"cantarei" o que a vida me oferecer... bichos...efemérides...alegrias...raivas(!) e o que mais adiante se verá!

12
Set 10

Parecem cabeleiras verdes

pendentes dos muros do jardim.

Ainda é verão.

Em Setembro, já não é bem assim...

De caules fortes, majestosos,

erguem-se copos rosa de vidro qualhado,

perfumados.

São as beladonas na sua pujança

neste ciclo de vida, em mudança.

 

 

Vento Leste, vento Sul,

vento suão tresloucado,

trazes chuva para o nabal

retiras o grão do eirado.

 

Uvas, marmelos, kiwis,

tudo pronto para a colheita...

O Outono está chegando

O Inverno está à espreita

 

Os dias são já mais curtos,

A luz fenece discreta

E a candeia da  vida,

teimosamente liberta,

ilumina o entardecer,

lá vai ficando desperta

enquanto a Deus aprouver.

publicado por mfssantos às 10:48

Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

13
14
15
16
18

19
20
21
22
24
25

27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO